quarta-feira, outubro 06, 2004

Tiberius, o atirador furtivo

Tiberius tinha uma tese sobre Che Guevara. Andava danadinho para a expor, mas ainda não tinha surgido um alvo (que uma torta esparramada na cara tem muito mais piada que uma torta que se atira para o chão).

Ao fim de anos de aperfeiçoamento da referida tese, Tiberius encontrou finalmente um alvo. Agarrou num título, que por acaso parodiava o conteúdo do post aproveitando o pseudónimo do autor, e pimba, lançou o seu projectil.

Acontece que o projéctil acertou ao lado. No Carcaça. Se o teste do Political Compass perguntasse se admirava Che (ou Fidel ou Pinto da Costa) a resposta seria negativa. Sempre preferi as camisolas estampadas com a fotografia do Jim Morrison às com a fronha do meu homónimo.

Portanto, apesar do jogo baixo de Tiberius, até acho que a tese, sendo desproporcinal e despropositada, é uma boa tese.

Sem comentários: