.
.

NÚCLEO DURO

 

Pub

A política é a arte de fazer alianças. É só derreter os fios de ouro roubados...







Pub







quarta-feira, agosto 31, 2005

Epifanias de Verão

Este pode não ser o melhor blog do mundo, e é, mas ganha o prémio do mais feio de sempre. E o que é brutal é que quando pensamos que não pode ficar pior, ele piora. Parabéns ao nosso director de arte, o ultracromático Vostradeis.

Gosto desta insistência em sobreviver do Núcleo Duro. O Núcleo não exalta dinamismo, mas resiste. Quando parece que morreu, alguém aparece, estremunhado, a acrescentar parvoíce ao mundo. Tudo com uma tranquilidade bonita, sem urgências.

Soares acaba de dizer que avança. Aborrecido. O que vale é que amanhã já não se lembra. O melhor da campanha vão ser as piadas sobre a sua senilidade.

O folgazão do Tiberius está a extravasar. Está nos estatutos que o Núcleo Duro é um projecto editorial misógino e que as mulheres não podem fazer parte do seu seio (ressalvando o caso do Zizou, que é transsexual). Com total desplante, Tiberius vem para aqui defender gajas. Devia ser punido por isso. Vou aconselhar ao nosso conselho jurídico que o suspenda por tempo indeterminado.


segunda-feira, agosto 29, 2005

Zizou: ele só se mete...

Oh, deixem lá.

Vostra: só te metes com fracos

Oh Vostra, nesta altura do campeonato não achas que bater no Mexia ou no Santana é, quase literalmente, bater no ceguinho? Mete-te com alguém do teu tamanho, fanfarrão!

Carcaça: ele só se mete com gajas

O nosso Carcaça volta a dar provas de ser um fedorento reaccionário ultramontano. Cá está ele, no post aqui abaixo, com um raciocínio bem típico da ultra-esquerda hachichiana a que pertence: a gaja escreve asneiras? Precisa é de levar umas boas dos motoqueiros de Faro!

Oh DJ, és como os taxistas: só fazes voz grossa quando é com gajas.

A gaja só tem olhos para o Núcleo:

Esta minha disposição para passar à frente nesta polémica quase se tornou definitiva mercê de duas expressões que esta semana me entraram no ouvido. Ora pode lá uma alma perder a oportunidade de teorizar sobre "o balneário" e "o núcleo duro"? Com os incêndios a extinguirem-se, "o balneário" e "o núcleo duro" entraram nas nossas vidas. São os elementos do "núcleo duro" que garantem que Soares antecipou a apresentação da sua candidatura, é Cavaco que já pôs "o seu núcleo duro" a trabalhar... Ninguém deve ter falado mais com os jornais e os jornalistas nos últimos dias que os designados "núcleos duros", mas um ridiculamente espesso manto de anonimato cai sobre os ditos. Suponho até que das redacções se telefona e diz: "Pode passar-me ao núcleo duro? Não está ninguém do núcleo duro? Se não for do núcleo duro não vale a pena falar porque não é uma fonte segura." Esperemos que Cavaco e Soares se resolvam rapidamente anunciar que são candidatos, caso contrário acabaremos a ler notícias sobre as declarações do "núcleo próximo" do "núcleo duro", sem esquecer as ligações entre os núcleos duro e próximo com os núcleos de independentes. Quanto ao balneário, o caso é ainda mais interessante. Tal como o "núcleo duro", o "balneário" farta-se de falar. Mas não só. O "balneário" tem estados de alma. Moralidade. Filosofia de vida. Ao que percebi, "o balneário" apoia o guarda-redes Ricardo. Entre outras coisas porque Ricardo é "humilde". O que me aconselharia "o balneário"? Provavelmente a ser humilde. E o "núcleo duro"?

Helena Matos, "Público" de 27 de Agosto

A resposta do Núcleo:
O Núcleo Duro (verdadeiro) aconselha que Helena Matos faça um estágio de uma semana com os maganos do Moto Clube de Faro. Poderá dessa forma reunir material para mais cinco anos das suas crónicas feministas, que tanto apreciamos.


sábado, agosto 27, 2005

Secção 'O Meu Pai Andava em Viagem'
Os Irmãos Carrascos


Pedro Mexia, colunista português que gosta de massacrar os leitores


Undertaker, lutador norte-americano de 'wrestling' que gosta de massacrar os adversários

Etiquetas:


segunda-feira, agosto 22, 2005

A dureza de um Núcleo



De entre os vários núcleos que vão surgindo por essa blogosfera afora, nenhum até agora demonstrou uma solidez comparável à deste. Basta dar uma volta pela Net para descobrir outros núcleos. Mas não se deixe enganar.
Só o Duro é Núcleo. Só o Duro é bom!

Cuidado com as imitações, ó Casimiro:
Moleza assumida
Maluquinhos do cinema
Escritores frustrados
Núcleo ilegível


sexta-feira, agosto 19, 2005

O Núcleo solidariza-se com J.P. Bello e passa a reproduzir o anúncio que fez publicar no Diário de Notícias. Bello é um polivalente. Imagino-o como um tipo que começou por escrever somente sobre música erudita e literatura novecentista. Foi depois sendo sujeito às "pressões do mercado" e alargando o seu leque de trabalho. Este homem podia ser o Kostá, do romance Budapeste, de Chico Buarque.

ESCREVEDOR

Disponibiliza-se

Para todo o tipo de criações escritas, técnicas ou criativas, com absoluto e perfeito domínio da Língua Portuguesa, nomeadamente:


Cartas, Alocuções, Comunicados, Programas, Relatórios, Peças Jornalísticas, Publi-reportagens, Prosa, Poesia, Guião, uma Frase, Contos, Diálogos, Slogans, Memórias Descritivas, Elegias, Historiais, Romances, Biografias, Adaptações, Revisões, Textos Comerciais diversos, Sinopses, Entrevistas, FAQ's e quaisquer outros.

Do ortodoxo ao heterodoxo, todos os seus desafios e necessidades de escrita em Português podem encontrar concretização prática. Porque ainda há quem saiba moldar a nossa Língua sem a esfrangalhar.

J.P. Bello
(criações de qualidade incompatíveis com o conceito de pechincha)
jpbello@netcabo.pt
91 6653108


sábado, agosto 13, 2005

Secção 'O Meu Pai Andava em Viagem'
Os Irmãos Estarolas


Roberto Benigni, actor cómico italiano


Santana Lopes, político cómico português

Etiquetas:


sexta-feira, agosto 12, 2005

Santana ainda mexe



A revista do 'Expresso' é mesmo 'Única'. É a única que tem ar de ser boa e depois, vai-se a ver, é uma merda igual às outras. Mas às vezes, traz coisas espectaculares. Numa edição recente, vinha uma entrevista com sua Santanidade o Lopes tão vazia como a cabeça dele, mas que valia por uma pérola que há muito não se via. Uma pequena frase para um homem, uma barrigada de riso para a humanidade:

"Vão ao motor de busca Google e vejam: sou o político português, de longe, com mais citações na Net"

Quem é que não imagina o Santana em casa, sentado à frente do seu computador, a fazer pesquisas no Google por nomes de outros políticos e a sorrir cada vez que descobria que os outros nomes apresentam menos resultados do que o dele!? A frase mereceu o Prémio Twilight Zone da revista 'Grande Reportagem'. O Núcleo acha merecido.

Aproveitámos e fomos ver se era verdade. Várias pesquisas no Google permitiram-nos apurar que, de facto, o nome de Santana Lopes é dos que apresenta mais resultados, mas ainda fica atrás de uma figura de cuja sombra não parece capaz de sair, e bem atrás do Presidente, o grande líder. O ND divulga aqui o Top-10 dos políticos mais googlizados:

1. Jorge Sampaio - 126 000
2. Durão Barroso - 107 000
3. Santana Lopes - 91 300
4. Mário Soares - 83 700
5. José Sócrates - 75 600
6. Cavaco Silva - 53 400
7. Paulo Portas - 41 300
8. João Soares - 29 200
9. Manuel Alegre - 26 300
10. Carmona Rodrigues - 17 100


quarta-feira, agosto 10, 2005

Prazeres inconfessáveis

Apesar de achar que este tipo de exercícios são, de alguma forma, desonestos (prazer inconfessável, que é inconfessável, não se confessa), não resisto a acrescentar aos magníficos "prazeres inconfessáveis" do magnífico otroncodateia.blogspot.com alguns gostos, diria, não inconfessáveis, mas duvidosos. Coisas que um gajo não vocifera no hall do Teatro da Cornucópia, nem na Cinemateca ou no Hot Club.


Comida
uma vez de dois em dois meses, quando estou com muita fome, adoro o double cheese da Mcdonalds e aquelas batatinhas fritas nojentas cheias de ketchup.
Música
gosto daquela música da Britney Spears... como é que se chama?... o primeiro êxito... quando ela ainda não era gorda e aparecia no vídeo como cheerleader...
Televisão
não consigo mudar de canal quando passam as reportagens das festas na Casa do Castelo. Há qualquer coisa de viciante numa tia fitness - ou numa prima - de decote bronzeado a dar respostas estúpidas a perguntas ainda mais estúpidas.
Cinema
chorei a rir em There's Something about Mary. E voltei a chorar.
não acho a pornografia um género indecente ou necessariamente repetitivo.

Tiberius, mouro envergonhado

Este ódio do mouro Tiberius a Lisboa - que o leva a parafrasear o delinquente incendiário Pinto da Costa - é absolutamente esquizofrénico. Senão veja-se: Tiberius, embora natural do Porto, escolheu viver e trabalhar em Lisboa. Ninguém o obrigou, nem sequer se pode dizer que seja uma questão de mercado. Como ele bem sabe e verbaliza - em segredo, claro, para que os seus conterrâneos não ouçam - Tiberius, sendo um urbano-depressivo, "não poderia viver noutro sítio senão em Lisboa".

Algumas citações do próprio Tiberius, a propósito:

"Lisboa é a única cidade de Portugal"

"O Porto é uma aldeia de pacóvios"

"A melhor merda que os gajos inventaram foi a francesinha e o Domingos"
+

Núcleo autárquico

O Núcleo está a preparar uma campanha de âmbito nacional e mesmo mundial para as eleições autárquicas. Começamos pela capital.

Um candidato da concorrência apresentou um manifesto com 38 mil caracteres de ideias para Lisboa.

O Núcleo apresenta aqui os seus 63 caracteres de ideias para Lisboa:

Nós só queremos Lisboa a arder, Lisboa a arder, Lisboa a arder.


terça-feira, agosto 09, 2005

Ainda os WC

Há várias coisas que não compreendo no mundo. Não compreendo, por exemplo, aquele cartaz do BE com um homem com a cabeça enfiada num caixote do lixo, e o slogan: "Lisboa não é isto, Lisboa é gente". Como também não compreendo por que razão as mulheres acham romântico andar à chuva e os homens não. São enigmas que, suspeito, morrerão comigo.

Há no entanto um mistério que ultrapassa tudo isto. Um mistério onde não se vislumbra a mínima pista. Refiro-me às poças de mijo debaixo dos urinóis públicos. Como é possível acontecer uma coisa destas? Retretes pingadas, poças junto a retretes pingadas, um gajo entende. Mas urinóis, receptáculos com meio metro quadrado, que ficam a uma distância de cinco centímetros da picha! Como é que alguém pode mijar para o chão?

Não sei, de facto, quem é capaz disto. Mas desconfio que serão os mesmos que colam os burriés na parede e queimam o autoclismo com beatas.



As paredes têm bocas



É uma tradição de décadas a chamada 'filosofia de sanita', aquela que surge quando estamos no auge da cagada e que muitos têm dificuldade em guardar só para si. Nos tempos que correm, no entanto, a prática parece estar a ser usada com fins utilitários a grupos homossexuais.

Na casa de banho do El Corte Inglés (nota: os números de telefone foram suprimidos. O objectivo deste site será, quando muito, caçoar da rabetagem, nunca promovê-la):

FASSO BROCHE 963...

SOU GAY PASSIVO E MEIGO
LIGA-ME HOJE
SE TAS SOZINHO COMO
EU ENTAO LIGA-ME
912...
FELIPE SÁ MEDEROS


[seta a apontar para a mensagem anterior] ÉS BRASUCA MARICONA!

SOU TROPA
25 ANOS
PROCURO
ATIVOS
ENTRE OS 16 E OS 23 ANOS
NÃO ENFEMINADOS
AMANH DIA 24 MAIO 19H

Etiquetas:


quinta-feira, agosto 04, 2005

Escutas do Núcleo

"Isto é um país de tristes. Começou logo pelo D. Afonso Henriques, que era um bate na mãe. A primeira coisa que ele fez quando chegou ao trono foi mandar arrear na mãe, a Urraca. O Afonso Henriques era um bate na mãe, está a ouvir? Um bate na mãe!"

[um taxista de Lisboa, após o concerto de Gilberto Gil]

"Este bairro aqui é só ciganos. Mas eles agora até parece que se têm portado bem. Então o Gilberto gil aindaa arrasta muita gente? Ele é ministro, não é? É como o Pelé. São os dois pretos, mas até são inteligentes."

Etiquetas:



 

banner for http://www.eurobilltracker.com

Powered By Blogger TM