.
.

NÚCLEO DURO

 

Pub

A política é a arte de fazer alianças. É só derreter os fios de ouro roubados...







Pub







quinta-feira, outubro 05, 2006

Num dia em que, coincidentemente, a Câmara da Amadora entrega o prémio reportagem Orlando Ranholas, eis mais um sério candidato ao Prémio Excelência Jornalismo ND, na variante da crónica. Trata-se de um texto que poderia ter sido produzido por um Ernesto nos seus melhores dias, mas a autoria cabe a Jorge Fiel, do Expresso. Desfrutem:

Priapismo Nocturno

"Nunca sofri de um ataque de priapismo nocturno puro e duro, daqueles que duram 36 horas (ou até mais), como o que passou num episódio recente da série 'Serviço de Urgência', da AXN, em que as simpáticas enfermeiras tiveram de administrar duas injecções na base do pénis do paciente para conseguirem derrubar a teimosa erecção que o atormentava. O pior que me acontece neste particular são episódicos mini-ataques de priapismo nocturnno que se revelam bastante incómodos quando coincidem com uma irreprimível vontade de satisfazer as minhas necessidades fisiológicas de carácter líquido. Não é preciso ser-se um iniciado nas artes do tiro curvo e do tiro tenso (o que, por acaso, até sou, já que a minha especialidade na tropa foi Anticarro e Morteiro Médio) para se perceber que é completamente impossível acertar com a urina dentro da sanita se o pénis está erecto.
A alternativa de fazer xixi como as senhoras, ou seja sentado, é um exercício doloroso e desprovido de resultados práticos já que o pénis está num ângulo superior a 90 graus com o chão e não está no seu estado flexível, pelo que é impossível acomodá-lo dentro da sanita. O que fazer nestas circunstâncias? Caso se trate de pequenos ataques, não é necessário recorrer à urgência do hospital. Pense em coisas desagradáveis (como, por exemplo, rim grelhado ao pequeno almoço) ou ligue o televisor e fique a ver um canal de vendas. Se não passar, vista o roupão e vá aliviar-se ao ar livre (sobretudo se morar perto de um bosque), rezando para não encontrar no elevador uma vizinha feia que pode achar que você ficou assim entusiasmado por vê-la. Ou então use o método de Robert de Niro em 'O Touro Enraivecido' - encha um 'frappé' e despeje o gelo sobre as suas partes. Vai ver que resulta."

Única (Expresso), 26 de Agosto de 2006

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home



 

banner for http://www.eurobilltracker.com

Powered By Blogger TM