quarta-feira, dezembro 10, 2008

Já há muito que não iniciamos uma rubrica nova neste excelso meio de comunicação. Por isso é altura de lançarmos o nosso cagagésimo fôlego. A rubrica em questão chama-se "Semiologia - As aulas perdidas do Prof. Carlos Reis" e é interactiva. Consiste no seguinte: eu publico imagens aparentemente sem relação e, à falta de Abrantes, teremos o Tiberius e o Vostradeis para fazerem a análise semiológica e provarem que, afinal, o evidente não é verdadeiro e que tudo se correlaciona.
Atentem nas primeiras imagens da série:



2 comentários:

zézé camarinha disse...

entre a pop art que parece estar sugerida na primeira imagem e a arte construtivista soviética do segundo poster, prefiro as imagens garridas da pop. Tenho até um quasro da marylin do wahrol no meu bar em portimão. É uma boa deixa para engatar aquele género de bifa mais intelectual, daquelas que usam óculos de massa pretos, estão a ver? Quando dou por mim a montar uma dessas peço~lhes sempre darling, dont take off ior glasses please. Como eu adoro deixar um bocado de esparregado numa carinha dessas... bolas, até já estou com tusa só de pensar nisso

Vostradeis disse...

Anda muito culto este Zezé! Mesmo sem classificar correctamente as imagens segundo os movimentos artísticos respectivos, sabe escrever "pop art" e "arte construtivista soviética". Andas a engatá-las na biblioteca de Portimão, ó Zezé!?