sexta-feira, setembro 08, 2006

Pensamentos Para Lelos



No tempo da escravidão, em que os escravos eram usados como moeda, como é que se davam os trocos? Com pigmeus?

4 comentários:

José Hermano Saraiva disse...

Um facto indesmentível da nossa história é que em tempos de grandes homens como o Marquês de Pombal, Salazar, D. Afonso Henriques, não havia racismo como há agora. É verdade que a grande maioria dos escravos era formada por negros, mas isso não tem a ver com a cor. Tanto é que também havia escravos mulatos, caboclos, cafuzos, mamelucos e crioulos...

Rui Barros disse...

Racista. Que é que tens contra os pigmeus?

Saussure disse...

O termo "pigmeu" encerra em si próprio uma boa dose de racismo. Ele é formado por "pig" (do inglês pig - suíno) e "meu" (que vem do português meu, e que quer dizer meu). Assim, chamar a alguém pigmeu é no fundo utilizar um equivalente à expressão "meu porco".

Rabeta disse...

Saussures, tu pareces-me um bocado rabeta.