.
.

NÚCLEO DURO

 

Pub

A política é a arte de fazer alianças. É só derreter os fios de ouro roubados...







Pub







segunda-feira, maio 03, 2004

Muito fraco



O programa da Queima das Fitas deste ano arrisca-se a ser o pior de sempre. Denota uma aposta cada vez maior no mercado nacional, o que já de si indica a merda que é. Tirando Da Weasel, que mesmo assim também já esteve melhor, o resto dos cabeças-de-cartaz é uma merda: Blind Zero, DJ Vibe e os fossilizados Rui Veloso, Luís Represas, Quim Barreiros, Xutos e Pontapés e Jorge Palma (OK, este ainda tem uma ou outra).

Aquele que já foi o maior festival musical do país, no tempo em que vinham a Coimbra nomes como Violent Femmes, Tindersticks ou Deus, aparenta estar em franca decadência. Mais, o calendário contribui para a guetização do público: Luís Represas toca na mesma noite que Mafalda Veiga, há uma em que os "artistas" são Iran Costa, Mónica Sintra e Quim Barreiros, etc...

Isso é como se a estudantada passasse a beber Trinaranjus nas Noites do Parque. No meu tempo, a Queima era a festa que tinha o recorde nacional do consumo de cerveja.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home



 

banner for http://www.eurobilltracker.com

Powered By Blogger TM